Cocoricó TV Cultura

Cocoricó está no ar na TV Cultura desde a década de noventa, o programa surgiu em 1989 (mil novecentos e oitenta e nove) em um especia do programa Rá-Tim-Bum, o inimaginável é que o teatro de fantoches foi criado inicialmente no mesmo formato do Programa Glub Glub , onde dois peixinhos um macho e o outro fêmea conversavam, inicialmente os dois peixinhos tinham um cenário artesanal semelhante a apresentação de fantoches, onde somente aparecia a cabeça dos peixes, posteriormente o programa sofreu modificações e edição gráfica.

cocorico

O programa Cocoricó é apresentado integralmente pelos personagens fantoches Júlio (Um menino de 8 anos de idade manipulado por Fernando Gomes) , o cavalo Alípio (manipulado por Hugo Picchi), a galinha Lilica manipulada por Magda Cruelli (1996 a 2010) e Kelly Guidotti ( a partir de 2011), a galinha mais velha do galinheiro Zazá (manipulada por Neusa de Souza), o papagaio Caco ( também manipulado por Neusa de souza),  Mimosa uma vaca que atualmente é manipulada por Kelly Guidotti, uma índia amiga do menino Júlio ( manipulada por Álvaro Petersen Jr.), o porquinho bebê Astolfo (manipulado por  Enrique Serrano).

A dupla de vilões Dito e Feito é manipulados por Álvaro Peterson Jr. e Enrique Serrano, já os avós de Júlio são manipulados por Fernando Gomes e Álvaro Petersen Jr., o morcego amigo do pessoal do Paio Toquinho (manipulado por Enrique Serrano),  o pato encrenqueiro Pato Torquato (manipulado atualmente por André Milano), a Pata Vina que é um personagem arrogante e mandão ( manipulada por Kelly Gudotty),, o Sapo Martelo que ao contrário dos outros insetos prefere comer doces, e é amigo de uma mosca chamada Zac Zac (também manipulado por Enrique Serrano) e o primo  João  tem idade parecida com a do menino Júlio apesar de ser todo moderninho e utilizar gírias em seu vocabulário (manipulado por Nilton Marques).

História do Programa Cocoricó TV Cultura

A História do Programa Cocoricó tem início com as férias de Júlio quando o menino vai para o sítio dos avós, e conhece os personagens do Paió , o programa ainda está no ar e desde sua reedição consegue bons índices de audiência para a TV Cultura, o programa foi produzido durante 15 (quinze anos) e já foram ao ar um total de 287 (duzentos e oitenta e sete ) episódios, com poucas modificações no cenário, em todos eles são utilizados bonecos fantoches para contar a história.

Cocoricó surgiu como um especial de fantoches para o Programa Rá- Tim-Bum da TV Cultura, no ano de 1996 (mil novecentos e noventa e seis) entrou na programação da emissora com a direção de Arcângelo Mello e Eliana Lobo, no ano de 2006 (dois mil e seis) os diretores foram substituídos por Fernanda Gomes, que permaneceu no programa até o último episódio que foi ao ar no ano de 2013 (dois mil e treze).

Trilha Sonora e Internet do Programa Cocoricó TV Cultura

O Programa Cocoricó foi uma aposta da TV Cultura no ano de 1996 (mil novecentos e noventa e seis) para a programação infantil , além dos episódios exibidos na TV aberta o site da cultura recebeu uma reformulação e ganhou uma página destinada ao Público Infantil com Jogos do Cocoricó, as crianças podiam acessar a página e pintar desenhos dos personagens, além de participar do jogo da forca e acerto de palavras.

No ano de 2005 (dois mil e cinco) cocoricó entrou no ar com a música que marca sua trajetória de sucesso, elogiado pelos colunistas da Folha de São Paulo, a música não idolatra os personagens da trama como tantas outras destinadas a esta faixa etária, é um dos melhores programas já produzido pela TV brasileira provavelmente por causa da música de Hélo Ziskind, disse o colunista do Jornal Folha de São Paulo On Line.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *