A Praça é Nossa

O Programa Humorístico ” A Praça é Nossa” pode ser considerado um clássico da TV Brasileira a mais de cinquenta anos no ar foi criado pelo então radialista Manuel de Nóbrega e foi pela primeira vez transmitido em rede nacional no ano de 1.956 (mil novecentos e cinquenta e seis) pela TV Paulista, 1.963 TV Record e TV Rio,  passando pela Rede Globo de Televisão no ano de 1.977 e 1.978.

a A Praça é Nossa

Após a morte de seu pai o humorista Carlos Alberto de Nóbrega assumiu o banco da praça no ano de 1.977 , ainda na TV Globo. A partir do ano de 1987 “A Praça é Nossa” passou a fazer parte da programação do SBT, de onde nunca mais saiu. A Praça é Nossa poucas vezes sofreu alterações na cenografia.

Neste artigo vamos contar um pouco sobre a história do programa “A Praça é Nossa” criação dos personagens e roteiro do programa com mais de 50 anos de história, criado por uma família de humorista o programa se renova a cada década e parece mais atual do que nunca.

Cenário da Praça é Nossa

O cenário criado por Manuel de Nóbrega basicamente é o mesmo no centro há um banco de praça onde Carlos Alberto de Nóbrega recebe personagens engraçados, ao longo de 50 anos de programa “A praça é Nossa” já teve uma janela onde a vizinha fofoqueira interpretada por Maria Teresa ( falecida no ano de 1.999) se metia na conversa de Carlos Alberto, outro personagem lendário da praça criado por Carlos Alberto de Nóbrega é Canarinho (falecido no ano de 2014).

Com o personagem Canarinho foi criado um orelhão ( assim era chamado o telefone público da praça) onde o personagem fazia ligações engraçadas e se enrolava nas conversas, também foi criado um bar que ficava em frente a praça, no bar meninas bonitas viviam situações engraçadas com o personagem Canarinho e outros personagens do elenco de ” A Praça é Nossa”, atualmente a praça possui o mesmo formato de banco e bar, onde o elenco produz cenas hilárias.

Atualmente a janela da vizinha fofoqueira não faz parte do cenário que continua o mesmo com um banco de praça e personagens que se apresentam em um bar, entre os personagens do programa ” A Praça é Nossa” estão os grupos “Café com Bobagem” e “Os Malandros”.

Personagens da Praça 

O apresentador Carlos Alberto de Nobrega nunca deixou o banco da praça, ele é responsável por recepcionar diferentes personagens, está sempre sentado no banco lendo o seu jornal e é quando tem início o programa, muitos humoristas já passaram pelo programa tendo os seus nomes consagrados Vera Verão (Jorge Lafont falecido no ano de 2003) é um dos mais conhecidos.

Jorgr Lafond era um homosexual negro assumido que interpretava Vera Verão, o personagem Vera Verão se metia em uma briga, o personagem ficou conhecido por ser barraqueiro, na história Vera Verão sempre brigava com uma mulher que perdia o seu homem para o travesti no final da história.

Outro lendário personagem que passou pelo banco da praça foi Batoré, interpretado por Ivan Gomes que atualmente faz parte do elenco da Rede Globo de Televisão ficou conhecido com o bordã “pensa que é bonito ser feio”, outros globais que passaram pelo banco da praça foi Pedro Bismarck que atualmente interpreta Nersom da Capitinga na Escolinha do Professor Raimundo e Marcelo Médici que interpretava Zóinho em “A Praça é Nossa”.

A Praça no Teatro

Uma produção de Marcelo de Nóbrega com roteiro de Carlos Alberto de Nóbrega ” Proibição da Praça” é uma comédia teatral composto por piadas inéditas, a peça teatral leva o nome de “Proibição da Praça” já que é destinada ao público adulto com conteúdo impróprio.

Marcelo de Nóbrega é também interprete do personagem A Velha Surda, criado pelo autor e escritor Ronaldo Ciambroni é um dos mais antigos personagens, e parece que o programa continuará nas mãos da família Nóbrega, além da participação como Velha Surda, Marcelo de Nóbrega também já assumiu o banco da praça durante as férias de seu pai.

Outras Informações Sobre a Praça

  • Bordão Carlos Alberto de Nóbrega

Ao se despedir Carlos Alberto de Nóbrega deixa uma mensagem que é um bordão do humorista:

“- Eu aqui no meu velho e querido banco porque,  A Praça é Nossa!”

  • Música de Abertura do Programa A Praça é Nossa

Não existem uma data certa sobre a criação da música de abertura que é o mesmo da versão exibida no ano de 1977, a letra da música foi gravada por Ronnie Von, os versos da música proclamam a longevidade do programa, atualmente apenas a melodia é soada durante a abertura da atração:

” Na mesma praça/ no mesmo banco/ as mesmas flores/ no mesmo jardim…”

  • Personalidades no Banco da Praça

Na década de noventa o programa “A Praça é Nossa” ficou ainda mais conhecido por receber personalidades no banco da praça que ao passar pela praça contracenavam com os personagens e conversavam com Carlos Alberto de Nobrega, veja algumas personalidades que passaram pela praça: Pelé, Zico, Raí, Gugu Liberato, Dercy Gonçalves, Bóris Casoy, Fat Family, Celso Portiolli, Dedé Santana, Silvio Santos e outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *